top of page
  • Foto do escritorRedação

A cultura de chamar "remendos" de obras é coisa dos tempos que se amarrava cachorro com linguiça

Atualizado: 6 de jan. de 2023


Dizem por ai, que no passado cachorro era amarrado com linguiça, mesmo assim morria de fome. Pois bem, tal adágio popular tem lá seus fundos de verdade, e diga-se, até nos nossos dias; não é que tem gestor público que remenda e faz alarde, pula, grita e bufa aos ventos, como se estivessem construindo a ponte Rio-Niterói. Ainda bem que ninguém amarra mais cachorro com linguiça...


ou seja, ninguém é mais besta!

Comments


NOS ACOMPANHE E NOS SIGA NAS REDES SOCIAIS

  • Instagram
  • Facebook
  • X
  • TikTok
  • Youtube
  • Soundcloud
  • Whatsapp
  • Telegram

Role para baixo e veja mais notícias

Todos os temas tratados neste veículo de comunicação, mesmo conteúdos que expressam opinião, são obedientes ao critério jornalístico relacionado a fatos e acontecimentos, dentro do direito à liberdade de expressão, assegurado na Constituição Federal do Brasil, sem qualquer intenção ou motivação pessoal de agredir pessoa alguma, tão somente expressar de forma legítima o DIREITO de opinar sobre fatos verídicos e acontecimentos reais, no amplo exercício de um jornalismo livre e plural.

 

Antonio Marcos Nunes dos Santos

Jornalista - Registro 0006829/BA  

00_edited.jpg
728x180-min.gif
PC CA.png
bottom of page