BANNER-INTERNET-728-x-90.gif
Leia Também
  • Antonio Marcos Nunes

Ariana Prates e Ubaldo Suzart são apontados como "propineiros" na Operação Fraternos


Publicação de quarta-feira (16), no caderno eletrônico bahia40graus, diz que a vereadora e atual presidente do legislativo portosegurense, Ariana Prates (PL) e o ex vereador eunapolitano, Ubaldo Suzart (PSD), foram "propineiros" no esquema de corrupção que desviou mais de 200 milhões de reais dos cofres públicos, segundo denúncia do MPF. A publicação do bahia40graus, aponta que, tanto a atual presidente da câmara municipal de Porto Seguro, Ariana, bem como o ex vereador de Eunápolis, Ubaldo, receberam propina de empresas que operavam no esquema de corrupção, apontadas pela Polícia Federal, na Operação Fraternos, que, em desdobramento, na manhã de terça-feira (15), prendeu o casal de ex prefeitos, Robério Oliveira e a esposa Cláudia Oliveira, além de mais quatro pessoas envolvidas no esquema criminoso (veja aqui).