top of page

NOS ACOMPANHE E NOS SIGA NAS REDES SOCIAIS

  • Instagram
  • Facebook
  • X
  • TikTok
  • Youtube
  • Soundcloud
  • Whatsapp
  • Telegram
  • Foto do escritorRedação

Através de indicação da deputada Cláudia Oliveira, Eunápolis receberá Núcleo Especializado de Atendimento à Mulher


 


 

Na segunda-feira (15), durante a cerimônia de troca de comando da Polícia Civil na Costa do Descobrimento, onde o delegado Wendel Ferreira assumiu como novo coordenador da 23ª Coorpin, foi anunciada a criação do Núcleo Especializado de Atendimento à Mulher (NEAM) em Eunápolis.

A instalação da NEAM é resultado de uma indicação da deputada Cláudia Oliveira ao Governador Jerônimo Rodrigues, feita em março de 2023, tendo em vista o aumento preocupante dos casos de violência contra mulheres na região.

"É fundamental termos um local onde as vítimas possam ser ouvidas e acolhidas no momento da violação de seus direitos e integridade. A NEAM representa um avanço significativo na proteção das mulheres, proporcionando atendimento especializado nas situações de violência doméstica e feminicídios”, destacou Cláudia.

A deputada reforçou ainda que o objetivo é expandir esse tipo de atendimento a todos os municípios da região, enfatizando a importância da conscientização sobre a não violência contra as mulheres. "Nossa prioridade é garantir a segurança de todos, porém o mais importante é a conscientização da não violência de qualquer tipo às mulheres”, afirmou Cláudia Oliveira.

Com a implantação do Núcleo Especializado de Atendimento à Mulher em Eunápolis, espera-se um impacto positivo na proteção das mulheres em situação de vulnerabilidade, demonstrando o compromisso em combater a violência de gênero e oferecer apoio essencial às vítimas.

Comments


Role para baixo e veja mais notícias

Todos os temas tratados neste veículo de comunicação, mesmo conteúdos que expressam opinião, são obedientes ao critério jornalístico relacionado a fatos e acontecimentos, dentro do direito à liberdade de expressão, assegurado na Constituição Federal do Brasil, sem qualquer intenção ou motivação pessoal de agredir pessoa alguma, tão somente expressar de forma legítima o DIREITO de opinar sobre fatos verídicos e acontecimentos reais, no amplo exercício de um jornalismo livre e plural.

 

Antonio Marcos Nunes dos Santos

Jornalista - Registro 0006829/BA  

00_edited.jpg
PC CA.png
bottom of page