top of page
  • Foto do escritorRedação

Aziz Ramos acredita que eleitorado de Cabrália tem amadurecimento político para filtrar nomes



O pré-candidato a prefeito de Cabrália, Aziz Ramos, tem feito sua avaliação sobre o momento político no município com muita serenidade.


Aziz entende que esta é a oportunidade que o eleitorado cabraliense tem para avaliar quem realmente tem condições de administrar Santa Cruz Cabrália; "...é preciso conhecer a história da pessoa e vê se tem tino administrativo para não correr o risco de se eleger qualquer aventureiro (a) e depois todos sofrerem com a decisão errada" considerou Aziz.


Aziz é político e um empresário de sucesso e tem todos seus empreendimentos no município de Cabrália; Aziz Ramos já foi vice-prefeito de Porto Seguro e pode ser considerado o padrinho do turismo na cidade, sendo o primeiro empreendedor do setor imobiliário a enxergar o potencial econômico e turístico da Orla porto-segurense.


A pré-candidatura de Aziz a prefeito de Cabrália é o reflexo de sua cumplicidade com o crescimento e desenvolvimento do município que mora, onde tem investimentos de grande porte, gerando emprego e renda e impostos para a receita municipal.


Aziz tem intensificado reuniões e palestras com as comunidades por toda cidade, focando no compromisso do povo cabraliense em decidir bem na hora de escolher quem vai querer para governar os destinos do município pelos próximos 4 anos. O político acredita que o eleitorado de Cabrália terá o amadurecimento necessário para filtrar os nomes que se apresentarem de fato como candidatos a prefeito de Santa Cruz Cabrália e fazer a escolha certa.



Kommentare


NOS ACOMPANHE E NOS SIGA NAS REDES SOCIAIS

  • Instagram
  • Facebook
  • X
  • TikTok
  • Youtube
  • Soundcloud
  • Whatsapp
  • Telegram

Role para baixo e veja mais notícias

Todos os temas tratados neste veículo de comunicação, mesmo conteúdos que expressam opinião, são obedientes ao critério jornalístico relacionado a fatos e acontecimentos, dentro do direito à liberdade de expressão, assegurado na Constituição Federal do Brasil, sem qualquer intenção ou motivação pessoal de agredir pessoa alguma, tão somente expressar de forma legítima o DIREITO de opinar sobre fatos verídicos e acontecimentos reais, no amplo exercício de um jornalismo livre e plural.

 

Antonio Marcos Nunes dos Santos

Jornalista - Registro 0006829/BA  

00_edited.jpg
728x180-min.gif
PC CA.png
bottom of page