BANNER-INTERNET-728-x-90.gif
Leia Também
  • Antonio Marcos Nunes

Bahia - A debilitada candidatura de Jaques Wagner no seu decadente PT


O PT baiano, assim como a legenda a nível nacional sofre da síndrome de superioridade política, quando na verdade, a sofre com a maciça perda do território antes ocupado pelos petistas, renegando o partido dos trabalhadores a viver uma falsa ideia dos tempos áureos, do agora decadente e esfrangalhado Lulismo. A candidatura ao governo baiano pré anunciada para 2022 do senador Jaques Wagner, já mostra que o partido, sucumbido na fragorosa derrota das eleições municipais de 2020 em todo estado, tenta seu auto-resgate na imagem também desgastada do ex governador Jaques Wagner, mesmo erro da legenda a nível nacional, com Haddad, ou seja, nada muda num PT que não quer mudar.