BANNER-INTERNET-728-x-90.gif
Leia Também
  • Antonio Marcos Nunes

Bahia - Emissora de rádio sofre terceiro atentado este ano, diretor diz ter motivação política


A rádio Lajedão FM, na cidade de Lajedão, no Extremo Sul da Bahia, vem sendo vítima de constantes ataques a estrutura da emissora. Na madrugada de segunda-feira (12) a emissora mais uma vez foi alvo de terrorismo, o terceiro deste ano de 2021.


Depois de ficar 41 dias fora do ar, após ser incendiada criminosamente por um ataque hediondo, provocado por uma pessoa que, também na madrugada, invadiu a emissora e ateou fogo em equipamentos e no stúdio, a rádio voltava a normalidade, desde o último dia 30 de março, quando foi surpreendida com o novo ataque na madrugada de segunda-feira.


O diretor da emissora, Edvaldo Alves, acredita que a motivação dos atentados terroristas sejam por conta de suas denúncias contra a administração municipal do prefeito Tonzinho (PROS).


No ataque da segunda-feira (12) os terroristas destelharam parte do telhado na da rádio na madrugada e atearam coquetéis molotov, danificando aparelhos, inclusive o transmissor.


"Lamentável o que está acontecendo em Lajedão. Mesmo após dois atentados, todo apoio popular recebido pela rádio, investigações da Polícia, apoio da imprensa e de autoridades de Lajedão e região, esses bandidos continuam desafiando a polícia e a Justiça. O sentimento é de revolta. Eu ainda acredito na Justiça, mas o que temos visto em Lajedão é um verdadeiro descrédito nos órgãos de Segurança Pública". Pontuou o diretor Edvaldo Alves.