top of page

NOS ACOMPANHE E NOS SIGA NAS REDES SOCIAIS

  • Instagram
  • Facebook
  • X
  • TikTok
  • Youtube
  • Soundcloud
  • Whatsapp
  • Telegram
  • Foto do escritorRedação

Belmonte| Bebeto Gama diz que não vai conceder reajuste (do ano passado) de 33,24% a professores

Prefeito insiste em não dá o reajuste de 33,24% concedido pelo governo federal

Em uma reunião com vereadores na quarta-feira (12), o prefeito de Belmonte, Bebeto Gama (PP), afirmou que não irá pagar o reajuste do piso nacional da educação básica de 33,24%, concedido ainda em 2022 pelo Governo Federal. O caso de Belmonte, contraria o que fizeram os outros gestores dos municípios da região, concedendo o reajuste a categoria. Vale lembrar que o piso em Belmonte continua em R$ 2.886.24 (Dois Mil Oitocentos e Oitenta e Seis Reais e Vinte Quatro Centavos), quando na verdade já deveria ser R$ 3.845,63 (Três Mil Oitocentos e Quarenta e Cinco Reais e Sessenta e Três Centavos).


Os professores do município de Belmonte têm estado em rota de colisão com o gestor e sentem-se humilhados pelo governo, Bebeto Gama, quando o prefeito se opõe a reconhecer o direito de toda uma categoria, renegando os profissionais de educação em seu município ao total desrespeito, com a resistência em não valorizar aos educadores e não entender o nobre papel de um professor.


Há informações que o prefeito fará audiência pública convocando a população para dá explicações e justificativas por não aplicar o reajuste aos educadores, talvez numa tentativa de querer manobrar a seu favor a opinião dos pais, algo pouco provável, diante da sua estratosférica rejeição, afinal, todo pai e mãe sabe o valor de um professor.


Qual a posição da Câmara de Vereadores

Com exceção dos vereadores, Thyara; Turista; Paulinho e Luciano, que querem o reajuste da categoria de educação, os demais acompanham o prefeito e apoiam sua decisão. Os vereadores da base do prefeito que acompanham a negativa do reajuste, SÃO:

  1. Dr Mauricio do Riso;

  2. Luluca da Ambulância (Presidente da Câmara);

  3. Rogério Bahia (Que inclusive é professor);

  4. Daco;

  5. Catiano;

  6. Viriato e

  7. Beto do Sindicato

Kommentare


Role para baixo e veja mais notícias

Todos os temas tratados neste veículo de comunicação, mesmo conteúdos que expressam opinião, são obedientes ao critério jornalístico relacionado a fatos e acontecimentos, dentro do direito à liberdade de expressão, assegurado na Constituição Federal do Brasil, sem qualquer intenção ou motivação pessoal de agredir pessoa alguma, tão somente expressar de forma legítima o DIREITO de opinar sobre fatos verídicos e acontecimentos reais, no amplo exercício de um jornalismo livre e plural.

 

Antonio Marcos Nunes dos Santos

Jornalista - Registro 0006829/BA  

00_edited.jpg
PC CA.png
bottom of page