BANNER-INTERNET-728-x-90.gif
Leia Também
  • Antonio Marcos Nunes

Belmonte - Muito mais que diplomação, ato simboliza o fim de 30 anos de atraso


Na manhã de sexta-feira (18), o prefeito eleito de Belmonte, Bebeto Gama (PP); o vice prefeito, Flavielly Sá (REPUB) e mais 11 vereadores receberam da Justiça Eleitoral o diploma que os habilitam a serem empossados em 01 de janeiro de 2021. O ato, que aconteceu na casa do povo, a Câmara Municipal de Belmonte, em solenidade virtual, realizada pelo Juiz da 34ª Zona Eleitoral, Dr Tibério C. Magalhães, teve, além do seu efeito jurídico, o simbolismo de encerrar o ciclo de 30 anos de desdém com a coisa pública na cidade do mar moreno, onde, imperava o atraso e o mau uso e aplicação dos recursos públicos. Bebeto e Flavielly representam a vontade de um povo sofrido e enganado a três décadas pelos dois grupos que dominaram a política local, durante esse período. É grande a expectativa da população em torno do futuro de Belmonte e do distanciamento político/administrativo do atual prefeito e seu grupo de RENOVAÇÃO com aqueles que governaram no passado e sucumbiram a cidade no retrocesso; na verdade a população de Belmonte mostrou que quer tudo novo, e não vai passar recibo para o atraso novamente. Viva Belmonte, que venha a posse!