BANNER-INTERNET-728-x-90.gif
Leia Também
  • Antonio Marcos Nunes

Cabrália - Agnelo e Bahiano têm grave histórico de corrupção


As candidaturas do atual prefeito Agnelo Santos e o ex prefeito Bahiano, representam o que Cabrália pode ter de pior na política. O atual prefeito, Agnelos Santos, envolvido em esquemas criminosos contra o erário público, junto a irmã e o cunhado, prefeitos de Porto Seguro e Eunápolis, são os personagens principais das operações Fraternos e Gênesis desencadeada pela Polícia Federal, que apurou o desvio de recursos público, que segundo as investigações, a família Oliveira desviou dos cofres públicos a somatória de 200 MILHÕES DE REAIS. Agnelo Santos está com as contas de 2018 duplamente rejeitas pelo TCM e com multa de R$ 4.500,00 (Quatro Mil e Quinhentos Reais) e ressarcimento R$ 659.036,00 (Seiscentos e Cinquenta e Nove Mil e Trinta e Seis Reais) para serem devolvidos para a prefeitura de Cabrália. Na outra ponta o ex prefeito José Ubaldino Pinto, o Bahiano, deixou no seu fim de mandato uma herança maldita para o também ex prefeito Jorge Pontes, que herdou um município sucateado e as finanças da cidade totalmente dilaceradas, sendo manchete nos principais jornais. Bahiano ficou vários anos inelegível por malversação do dinheiro público e só para as eleições 2020 pôde se habilitar novamente para concorrer a cargo eletivo.