Leia Também
  • cdn24horas

Cabrália - Vereador acusa prefeito de tentar enganar professores


Através de ofício encaminhado à diretoria da Aplb-sindicato em 25 de agosto, o prefeito Agnelo Santos tenta justificar mais uma vez o fato de não ter cumprido a Lei do piso, que determinou reajuste salarial de 12,84% para os profissionais da carreira do magistério. O prefeito apresenta um arrazoado de justificativas que, segundo ele, foi encaminhado à Juíza da comarca de Santa Cruz Cabrália e aguarda uma posição para pagar o "merecido reajuste".

Sabemos que o prefeito procura ganhar tempo, o pagamento depende apenas de vontade politica que o prefeito já demonstrou que não tem, essa conversa de estar aguardando o pronunciamento do poder judiciário é pra dizer que espera uma posição da justiça com relação ao mandado de segurança impetrado pela Aplb e que já teve parecer favorável do Ministério Público, neste caso o prefeito será obrigado a cumprir a lei.

O prefeito Agnelo quer mais uma vez engabelar os trabalhadores da educação e evitar que estes vão à rua se manisfestarem por este direito que o prefeito, como fazem os maus gestores, insiste em não respeitar.


Por - Vereador Xêpa