top of page
  • Foto do escritorRedação

Cláudia Oliveira impõe sua força política no Território da Costa do descobrimento


mulher rindo

A deputada estadual, Cláudia Oliveira (PSD), não precisa provar para ninguém a sua força e musculatura política, além de ter se agigantado politicamente na região de predominância do seu eleitorado com o resultado das eleições 2022, tendo como destaque as cidades de Eunápolis e Porto Seguro, em que impôs respeito ao seu nome pela votação elástica que obteve, além dos outros municípios do Território da Costa do Descobrimento reafirmarem a liderança inconteste de Cláudia Oliveira. A deputada estadual que nunca perdeu uma eleição, (registre-se isso), deixa nanico outros nomes que foram às urnas, na mesma eleição em 2022 disputando uma vaga na ALBA, com apoio robusto do prefeito de Porto Seguro e da prefeita de Eunápolis, e, simplesmente foram vistos pelo retrovisor com a votação da deputada estadual na eleição que a consagrou como a maior liderança política na Costa do Descobrimento.

Os números não mentem, vejamos:

  • Em Eunápolis a prefeita Cordélia Torres deu nas eleições de 2022 ao seu candidato a deputado estadual, 4.327 votos o que representa 7,54% dos votos válidos; já Cláudia Oliveira obteve 20.450 votos impondo uma esmagadora frente com 35,66% de dos votos válidos.

  • Em Porto Seguro o prefeito Jânio Natal obteve nas eleições de 2022 para seu candidato a deputado estadual 9.239 votos o que representa 13,10% da votos, enquanto a deputa Cláudia Oliveira teve 23,42% dos votos, com 16.520 votos.

Tanto em Eunápolis, quanto Porto Seguro, a deputada do PSD liderou o ranking de votação, assumindo o protagonismo de impor aos dois gestores das duas maiores cidades da Costa do Descobrimento uma derrota histórica.


Em resumo, uma cadeira no executivo municipal aguarda Cláudia Oliveira.

Comments


NOS ACOMPANHE E NOS SIGA NAS REDES SOCIAIS

  • Instagram
  • Facebook
  • X
  • TikTok
  • Youtube
  • Soundcloud
  • Whatsapp
  • Telegram

Role para baixo e veja mais notícias

Todos os temas tratados neste veículo de comunicação, mesmo conteúdos que expressam opinião, são obedientes ao critério jornalístico relacionado a fatos e acontecimentos, dentro do direito à liberdade de expressão, assegurado na Constituição Federal do Brasil, sem qualquer intenção ou motivação pessoal de agredir pessoa alguma, tão somente expressar de forma legítima o DIREITO de opinar sobre fatos verídicos e acontecimentos reais, no amplo exercício de um jornalismo livre e plural.

 

Antonio Marcos Nunes dos Santos

Jornalista - Registro 0006829/BA  

00_edited.jpg
IMG_6502.gif
PC CA.png
bottom of page