BANNER-INTERNET-728-x-90.gif
Leia Também
  • Antonio Marcos Nunes

Lixo no Pequi - Publicação em redes sociais sem apurar fatos vira caso de polícia


Uma postagem feita na manhã de sexta-feira (09) em redes sociais, rendeu, e deu até polícia. Uma pessoa fez uma live e denunciou um acúmulo de lixo próximo ao ginásio de esportes do Colégio Nilza Barbosa, no bairro Pequi. Mas, quem realizou a live não apurou os fatos, e o que não passaria de um descarte irregular na madrugada, feito por alguém, tornou-se numa notícia dada irresponsavelmente.


Segundo informações coletadas com moradores das imediações, a prefeitura vem realizando a coleta de lixo normalmente no bairro, no entanto, na madrugada de quinta-feira (08) foi feito o descarte, de forma irregular no local. Trata-se de resto de confecções, oriundo de reciclagem, e nitidamente vê-se que não é lixo doméstico.


Foi apurado que uma mulher que trabalha com reciclagem teria pago a um homem para descartar o material, e que a pessoa sem má fé teria feito ali, imaginando que no dia seguinte o 'lixo' seria recolhido sem maiores complicações, mas ninguém imaginava que logo pela manhã alguém usasse de tal expediente para criar o estardalhaço.


Uma pessoa que estava próximo e não quis se identificar, comentou com a reportagem do Portal CDN24horas: "isso é politicagem, ontem mesmo passei aqui e não tinha esse monte de lixo aí... é tudo politicagem!, finalizou.


Uma máquina e um caminhão vasculhante estavam no local para remover o lixo. Vale lembrar que Eunápolis enfrenta um grande problema social, com a falta de conscientização de muitos moradores com a coleta racional do lixo - pessoa descartam seu lixo fora do horário da coleta. Descarta-se de tudo, móveis, eletrodoméstico e até animais mortos.