BANNER-INTERNET-728-x-90.gif
Leia Também
  • Antonio Marcos Nunes

Polícia prende criminoso três vezes em menos de um mês e foi solto todas as três pela justiça


Preso três vezes em menos de 30 dias foi liberado em toda pela justiça

Com suposto envolvimento em roubo e receptação de carros, um individuo foi preso três vezes pela PM baiana, na capital - Salvador, em menos de trinta dias. O homem já havia sido preso nos dias 18 e 25 de março, e a última ocorrência aconteceu na noite de quarta-feira (06 de abril), quando oo mesmo conduzia junto com um comparsa um carro modelo HB20 que estava com placa clonada e foi abordado por policias em blitz na Operação Apolo.


Colocado em liberdade provisória depois de audiência de custódia, ocorrida na sexta-feira (08 de abril), após pagar fiança, o indivíduo novamente foi solto, informou a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP/BA).


As autoridades policiais acreditam que o indivíduos voltará a prática criminosa e apura se os veículos recuperados com ele foram usados no tráfico e na prática de crimes contra a vida.


"Por mais que eu respeite o Judiciário, - eu vim de lá - por mais que eu entenda que a legislação é frouxa em matéria penal, como conceber que uma pessoa que foi presa em flagrante três vezes, em 21 dias, com carros roubados, é colocada sistematicamente em liberdade, na audiência de custódia? É um verdadeiro tapa na cara da sociedade, naturalmente imaginando que essa conta caia sempre nas costas da Polícia, e sempre cai", ressaltou o secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino.

O chefe da SSP acrescentou ainda que a polícia continuará cumprindo a lei, prendendo em flagrante, ou com ordem judicial, quem comete crime, principalmente crimes graves como roubos de carros, que causam insegurança à sociedade. "Continuaremos a proceder tantas vezes quantas nos ocorra fazer, sempre nos limites da legalidade", completou Mandarino.