Leia Também
  • cdn24horas

Prazo para Robério Oliveira apresentar certidões a justiça venceu, deve pedir dilatação


Sem a certidão de 2° grau da Justiça Federal, o ainda não candidato, Robério Oliveira, tenta nos tribunais seu direito à candidatura. Depois de ser lhe dado um prazo de 72 horas (03 dias), vencidos na meia-noite de sexta-feira (09), pelo juiz, Benedito Alves Coelho, da 203ª zona eleitoral de Eunápolis para apresentar: Certidão da Justiça Estadual de 2º grau, do domicílio do candidato; Certidão da Justiça Federal de 2º grau do domicílio do candidato e prova da inexistência de inelegibilidade, e não o fazendo, por não ter obtido no âmbito federal; Oliveira, deve pedir dilatação de prazo, com a finalidade de ganhar tempo. Robério Oliveira deve partir da alegação de não ter pedido atendido pelo TRF-1 e tentar responsabilizar a justiça federal pela falta da certidão em função de prazos. Até o momento do fechamento desta matéria, diante dos fatos, fica caracterizada a possível impugnação de candidatura de Robério Oliveira. Lembrando que prefeito e candidato a reeleição já possui condenação em segunda instância.