BANNER-INTERNET-728-x-90.gif
Leia Também
  • Antonio Marcos Nunes

Quem quer voar alto com asas de cera, pode despencar e morrer afogado


A meninice de novatos na política é assustadora; tem gente que só falta pendurar melancia do pescoço, tamanha a infantilidade e show de besteirol. Onde sê mais essa fanfarrice é entre indivíduos inexperientes, mas acham saber de tudo, e, sabe-se lá por quê, protagonizam fatos e feitos ridículos, tentando passar suas mensagens, que não passa de cine pastelão, e, causam gargalhadas nas rodas de bate-papo e nas redes sociais. Como diz a lenda grega, tem gente que é semelhante a Ícaro. Vou lhes contar a lenda:

A lenda fala que presos num labirinto, o pai, Dédalo com o filho Ícaro, ele, Dédalo tem a ideia de fazer asas com pena dos pássaros e cera, e assim alçarem voo como fuga, mas Dédalo recomenda ao filho Ítalo que não voassem muito alto, para o calor do sol não derreter a cera e nem muito perto do mar para a umidade não pesar as asas, mas sem ouvir os conselhos sábios do seu pai, Ícaro, encantado com as asas e vislumbrado com seu voo resolveu querer subir cada vez mais alto, foi ai que o calor do sol derreteu a cera de suas asas e ele precipitou-se sobre o mar e morreu afogado na profundeza das águas. Moral da história, tem muita gente que prefere perder as asas e morrer afogado que ouvir o conselho dos sábios.