top of page
  • Foto do escritorRedação

Professor sindicalista da APLB/Itabela vira caso de polícia após agredir verbalmente procuradora


boletim de ocorrência

Um servidor público da educação municipal itabelense que atua como sindicalista da APLB, teve Boletim de Ocorrência registrado contra ele na polícia civil de Itabela após ter agredido verbalmente e usado tom ameaçador contra uma procuradora municipal.


Entenda o caso

O servidor que é educador e atua no sindicato dos professores APLB/Itabela foi a procuradoria do município que está localizado no prédio administrativo em companhia de mais duas outras servidoras e, em visível estado de agressividade o acusado investiu contra a profissional do direito (advogada) e a todo momento tentou intimidar a procuradora, reclamando de cortes legais nos salários de alguns professores em decorrência das constantes faltas na salas de aula. A procuradora ponderou e tentou inutilmente explicar ao servidor/sindicalista que a prerrogativa funcional da procuradoria era obedecer a legalidade e seguir a devida determinação judicial sobre o caso. Vendo a forma exasperada que o homem encontrava-se, a procuradora pediu que tanto ele quanto suas acompanhantes saíssem da sala. A advogada registrou B.O. e o caso deve seguir para a justiça além dos desdobramentos administrativos e junto a Ordem dos advogados do Brasil, por meio da comissão de prerrogativas.


コメント


NOS ACOMPANHE E NOS SIGA NAS REDES SOCIAIS

  • Instagram
  • Facebook
  • X
  • TikTok
  • Youtube
  • Soundcloud
  • Whatsapp
  • Telegram

Role para baixo e veja mais notícias

Todos os temas tratados neste veículo de comunicação, mesmo conteúdos que expressam opinião, são obedientes ao critério jornalístico relacionado a fatos e acontecimentos, dentro do direito à liberdade de expressão, assegurado na Constituição Federal do Brasil, sem qualquer intenção ou motivação pessoal de agredir pessoa alguma, tão somente expressar de forma legítima o DIREITO de opinar sobre fatos verídicos e acontecimentos reais, no amplo exercício de um jornalismo livre e plural.

 

Antonio Marcos Nunes dos Santos

Jornalista - Registro 0006829/BA  

00_edited.jpg
728x180-min.gif
PC CA.png
bottom of page